Planos de Carreira

O Serpro conta atualmente com 3 planos de carreira: o Plano de Avaliação e Classificação de Cargos e Salários (PACCS); o II Regimento de Administração de Recursos Humanos do Serpro (RARH2); e, por fim, o Plano de Gestão de Carreiras do Serpro (PGCS).

PGCS - Tabelas Salariais

Implantado em novembro de 2008, o Plano de Gestão de Carreiras do Serpro (PGCS)  fornece um conjunto de ações que sistematizam as possibilidades de crescimento e de evolução profissional dos empregados e empregadas do Serpro, e estabelece formas de retribuição e reconhecimento compatíveis com o trabalho desenvolvido pelos profissionais.

Tabela Salarial 01: Analista - 8 horas

Tabela Salarial 02: Analista - 6 horas

Tabela Salarial 03: Analista - 4 horas

Tabela Salarial 04: Técnico - 8 horas

Tabela Salarial 05: Técnico - 6 horas

Tabela Salarial 06: Auxiliar - 8 horas

Tabela Salarial 07: Auxiliar - 6 horas

Tabela Salarial 08: Analista - Especialização: Serviço Social - 6 horas

Gratificações

Aos ocupantes de cada cargo integrante do Plano de Gestão de Carreiras do Serpro – PGCS são atribuídas as seguintes gratificações profissionais:

Gratificações.png

Além disto, os empregados e empregadas que desempenham atividades que extrapolam suas demandas cotidianas ou que estão envolvidos(as) em projetos estratégicos recebem uma gratificação adicional, a Gratificação de Função Específica (GFE).

Ela é distribuída por tempo determinado e não é incorporada ao salário. As chefias imediatas devem identificar, ao designar um(a) empregado(a) para receber a GFE, os seguintes itens:

  • o impacto no trabalho;
  • a complexidade do trabalho; e
  • a abrangência dos conhecimentos.

 

Estas são as tabelas de Gratificação de Função Específica (GFE) em vigência:

 

Empregados designados para a função de confiança recebem a Gratificação de Função de Confiança (GFC), cuja tabela segue abaixo:

 

RARH2 - Tabelas Salariais

A segunda versão do Regimento de Administração de Recursos Humanos do Serpro (RARH) foi implantada em novembro de 1997, após a revisão da primeira versão, datada de maio de 1989.

 

Gratificações

Aos integrantes do Regime de Administração de Recursos Humanos do Serpro (RAHR2) são distribuídas as seguintes gratificações:

- Gratificação de Especialização Adicional  (GEA) – RARH2

 

- Gratificação de Qualificação Adicional (GQA) – RARH2

 

- Gratificação de Habilitação Adicional (GHA) – RARH2

 

Empregados designados para a função de confiança recebem a Gratificação de Função de Confiança (GFC), cuja tabela segue abaixo:

- Gratificação de Função de Confiança - RARH2

 

Alguns empregados recebem uma gratificação adicional designada pela chefia imediata, a Função Comissionada Técnica/Auxiliar (FCT/FCA), que é distribuída por tempo determinado e não é incorporada ao salário. As chefias imediatas devem identificar, ao designar um(a) empregado(a) para receber a FCT/FCA, os seguintes itens:

  • o impacto no trabalho;
  • a complexidade do trabalho; e
  • a abrangência dos conhecimentos.


As tabelas que contêm estes valores seguem abaixo:

Gratificação de Função Comissionada Técnica  (FCT) RARH2

 

Gratificação de Função Comissionada para Auxiliar (FCA) RARH2

 

PACCS - Tabelas Salariais

O Plano de Avaliação e Classificação de Cargos e Salários (PACCS) é o mais antigo em vigência na Empresa e atualmente é a remuneração oficial de cerca de 15 empregados e empregadas.